Displasia Renal
 

A Displasia (formação desorganizada) é muito semelhante à hipoplasia, embora encontremos na displasia alterações microscópicas patognomônicas (características de determinada doença), muito complexas, das quais nos interessa o "cisto". O cisto, nada mais é que uma unidade filtrante do rim, o néfron, que não se comunica com a parte excretora da urina. Assim, toda a urina é produzida e armazenada no mesmo local, aumentando de volume de acordo com a quantidade de unidades comprometidas. Aqui nos interessa o rim multicísitico.

A figura ao lado mostra um rim multicístico (aspecto da superfície e em secionado).

Rim Multicístico Unilateral

É a forma extrema de displasia renal. A maioria do tecido renal é substituída por cistos e tecido fibroso que os une. Freqüentemente tais cistos são grandes e podem formar uma massa palpável no abdômen da criança. Quando o outro rim é normal, o prognóstico (evolução da doença) é ótimo. Na maioria das vezes, a pelve renal e o ureter não são encontrados ou são atróficos. A nefrectomia do rim anormal deve ser realizada e seu diagnóstico diferencial com Tumor de Wilms, Neuroblastoma ou Hidronefrose, confirmado.